Pietro Paolo Rubens e o nascimento do Barroco

a partir de 14,00 mais os custos de serviço de 2,00 *
Categoria: Bilhetes para os Museus
Localidade: Milão, Itália
Audioguias:

Visite a exposição de Rubens sem fazer fila!

Com o maravilhoso cenário das salas do primeiro andar do Palazzo Reale de Milão, a exposição Pietro Paolo Rubens e o nascimento do Barroco exibe mais de 70 obras (das quais 40 do famoso artista) provenientes das mais importantes coleções internacionais. O artista na verdade sempre foi inserido de maneira bastante simplista na fileira dos "pintores flamengos ", mas a sua importância é confirmada na Europa e sua íntima ligação com a Italia deixou marcas profundas em seu estilo após a permanência  na penísula (1600-1608). O objetivo da exposição é colocar em evidência a relação de Rubens com a estatuária clássica e a arte antiga em geral, bem como a sua atenção para os mestres do Renascimento, e sobretudo aumentar a consciência da influência exercida pelo Mestre sobre os jovens artistas italianos protagonistas do Barroco como Bernini, Lanfranco e Pietro da Cortona, só para citar alguns.

Então, ao lado de algumas obras monumentais de Rubens, estão expostas também esculturas antigas e obras de grandes protagonistas do século XVI e do Barroco, criando assim um fascinante percurso e destacando a importância de Rubens para o nascimento do Barroco italiano e europeu.

Que coisa faz este tour único?

  • Um novo ponto de vista sobre a grandiosa arte de Rubens
  • Admire obras-primas de Rubens como Seneca moribundo, a Madalena em êxtase, a Captura de Sansão e muitas outras
  • Evite a fila e não perca seu tempo
  • Audioguias incluidos no preço

Bilhetes reduzidos e gratuitos

Bilhete Reduzido:

  • Formula 2 x 1 para os titulares de bilhete de trem Frecce Trenitalia com destino a Milão (data de viagem  no prazo de 5 dias da visita da exposição) e para os titulares de Cartafreccia
  • Estudantes dos 6 aos 26 anos
  • Grupos (mínimo de 15 e máximo 25 pessoas)
  • Maiores de 65 anos
  • Portadores de deficiência
  • Militares e policiais não em serviço
  • Professores
  • Membros FAI e Touring Club
  • cartão Musei Civici Milanesi
  • cartão Lunedì Musei

Bilhete Gratuito:

  • para menores de 6 anos, um acompanhante por grupo, dois professores acompanhantes por classe, um acompanhante por deficiente que  apresente necessidade, jornalistas credenciados pelo Departamento de Imprensa da Prefeitura  ou da exposição, guias turísticos habilitados, membros ICOM, funcionários da Superintendência do Patrimônio Paisagísticos e Arquitetônicos de Milão

 

Quando

26 de outubro de 2016 – 26 de fevereiro de 2017

Onde

Palazzo Reale – Piazza del Duomo, 12 (Milão).

A entrada para a exposição é pela Piazzetta Reale, Milão.

Horário

  • Segunda-feira das 14:30 as 19:30
  • Terças, quartas, sextas e domingos das 9:30 as 19:30
  • Quintas e sábados das 9:30 as 22:30

A bilheteria fecha uma hora antes.
O último acesso reservado para grupos é uma hora e meia antes do encerramento.

Para recordar

  • O voucher que você receber deve imprimir e apresentar na entrada para retirar o bilhete
  • Os bilhetes comprados não podem ser trocados ou reembolsados

Audioguias (incluído no preço)

Disponíveis em Italiano e Inglês.

Os audioguias não podem ser reservados e nem são garantidos para grupos.

Guarda-volumes

Os visitantes podem depositar guarda-chuvas, bolsas grandes e mochilas.

Visitantes portadores de deficiência

A exposição é acessível para pessoas com deficiência.

A entrada para a exposição é pela Piazzetta Reale, Milão. Os pontos mais próximos dos meios de transportes públicos são: parada Duomo do metrô (linhas M1 e M3); parada Duomo dos bondes elétricos (2, 3, 12, 14, 15, 16, 19, 23, 24, 27).

A exposição

A exposição está dividida em quatro seções: a primeira é intitulada "No mundo de Rubens" e é dedicada ao aspecto mais íntimo do pintor, ao seu contexto familiar e à sua personalidade de artista e intelectual que tem definitivamente influenciado em seus relacionamentos pessoais com protetores ou outros artistas seus contemporâneos.

A segunda seção  se intitula "Santos como Herói" e se concentra principalmente sobre a forte carga clássica e hedonista que o artista introduziu na pintura de temas sagrados, fazendo um confronto com obras de Pietro da Cortona, bem como com os do mestre veneziano Tintoretto, fonte segura de inspiração para Rubens.

“Fúria do pincel” é o título da terceira seção que  se concentra no estilo enérgico e impetuoso do artista e na pincelada densa de movimento que será típica do Barroco e de artistas como axatamente Bernini e Lanfranco.

A última seção, "A Força do Mito", aborda por um lado a relação entre Rubens e o passado, em particular a cultura clássica, graças à presença de importantes peças arqueológicas como  o Hécules Farnese; por outro lado mostra a importância do contato com a obra de artistas seus conteporâneos, com os quais estava de fato nascendo o Barroco.

Voltar acima
(*) O custo do serviço é mostrado na página Carrinho/Caixa depois de ter clicado em Adicionar ao Carrinho e depois em Como é calculado.

 Poderia lhe interessar também: