Dormir verde em Florença

fattoria pogni

As estruturas receptivas podem ter um impacto ambiental significativo, isto se sabe. Mas também é verdade que há um interesse crescente com relação à contenção do desperdício de energia, juntamente com uma maior conscientização sobre o impacto ambiental dos nossos hábitos de vida cotidiana. Isto vale para a casa, o carro, o estilo de vida e também para as viagens.

Aqui, então que  os hotéis, agriourismo, camping, B&B e outras estruturas turísticas começaram a adotar algumas medidas para minimizar o mais possível o impacto ambiental da sua atividade. Como? Com tecnologia de baixo impacto ambiental, o uso de energia proveniente de fontes renováveis e produtos a 0 km . No território florentino já existem muitas estruturas que vão no sentido da proteção ambiental, conciliando assim a sua atividade com o desenvolvimento sustentável.

Reduzir os impactos ambientlsi causados pela atividade do turismo, aumentar a conscientização dos turistas e também envolver empresas e autoridades nas escolhas mais sustentáveis é isso que estas estruturas decidiram fazer, começando por uma profunda requalificação edilícia para oferecer aos seus hóspedes umas férias toda verde.

Natureza e pratos da tradição local são dois dos ingredientes fundamentais para um eco- turismo  e sustentável, amigo do ambiente. Para uma permanência a baixo impacto, então se pode também intervir na illuminação, água quente, aquecimento e ar condicionado, no hotel assim como no camping.

O Hotel Kursaal & Ausonia, por exemplo, situado em pleno centro de Florença, foi reestruturado e equipado com sistemas ecológicos para economizar energia: uma central de aquecimento/ar condizionado que recicla a energia de resíduos para gerar água quente. A iluminação é feita com lâmpadas de baixo consumo energético ou LED; o consumo de água é otimizado através dos dispositivos que misturam ar à água. Todos os quartos estão equipados com um dispositivo que automaticamente corta a eletricidade quando se sai. A limpeza é feita com produtos ecológicos biodegradáveis em 98% e com uma maquina a vapor. Nos grandes cestos nos corredores todos são convidados a separar os resíduos. Finalmente, os hóspedes são convidados a decidir quando trocar a roupa de cama, evitando desperdícios. Quanto economizado desta forma, é depois doado para causas importantes, este ano por exemplo, será doado ao FAI para a restauração e recuperação do nosso patrimônio ambiental e cultural.

O Bio B&B Villa Medicea Lappeggi a Bagno a Ripoli está situado dentro de uma Vila de 1400 que pertenceu à família Medici. Aqui todos os produtos utilizados são orgânicos, locais e de cadeia curta, são efetuadas  coleta diferenciada em todos os quartos, a água provem das fontes municipais de alta qualidade, o papel utilizado é reciclado, os produtos para o café da manhã são da agricultura biológica, a fruta é sempre da estação, o leite biológico, yogurt e pão são caseiros, os sabonetes são naturais e ecológicos e as lâmpadas são de baixo consumo.

O Agriturismo Fattoria Pogni então pode realmente pretender ser um dos raros agroturismos 100% eco-compatível e energeticamente autossuficiente, que utiliza só energia renovável para a atividade agroturística e agrícola. A energia útil para aquecer a água e todos os locais durante o inverno, é fornecida por um sistema operacional nas aparas  de madeira, obtidas recuperando a madeira proveniente das podas. A energia útil para a produção de eletricidade é fornecida por um sistema de aterramento de painéis fotovoltaicos, realizado respeitando, no entanto, a beleza e a naturalidade do lugar.

Estes são apenas alguns exemplos, são de fato muitas as estruturas que hoje na Toscana decidiram esposar uma filosofia de vida baseada em um profundo respeito pela natureza e pelo ambiente a fim de melhorar e manter intacta a beleza e vitalidade.